domingo, 1 de julho de 2012

AS LATINHAS TAMBÉM AMAM



Para turmas de segundo ao quinto ano

Foi inevitável: Betti, a antiga e misteriosa latinha encontrada por Jaime, e Red Diet se apaixonaram. Mas Ruivo, líder da Gangue do Outro Lado, sequestra Betti e, sem querer, acaba gerando um movimento pela reciclagem do lixo da cidade. Onde andará Betti? O que será de Red Diet? Não perca esse romance diferente, cheio de aventuras! 

Temas transversais: 
Ética e Meio Ambiente 

Temas para atividades: 
- Meio Ambiente: a reciclagem e sua contribuição para o equilíbrio ecológico e para um futuro melhor; 
- Ciências: os tipos de materiais que podem ser reciclados; 
- Ética: o que são gangues e como se comportam seus integrantes. 


TEMPO DE DECOMPOSIÇÃO DE MATERIAIS NO AMBIENTE


Baía de Guanabara

A Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, foi realizada de 13 a 22 de junho de 2012, na cidade do Rio de Janeiro. A Rio+20 foi assim conhecida porque marcou os vinte anos de realização da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (Rio-92) e contribuiu para definir a agenda do desenvolvimento sustentável para as próximas décadas.

A proposta brasileira de sediar a Rio+20 foi aprovada pela Assembléia-Geral das Nações Unidas, em sua 64ª Sessão, em 2009.

O objetivo da Conferência foi a renovação do compromisso político com o desenvolvimento sustentável, por meio da avaliação do progresso e das lacunas na implementação das decisões adotadas pelas principais cúpulas sobre o assunto e do tratamento de temas novos e emergentes.

A Conferência teve dois temas principais:

 
  • A economia verde no contexto do desenvolvimento sustentável e da erradicação da pobreza; e
  • A estrutura institucional para o desenvolvimento sustentável. 

RECICLAGEM DE LATAS DE ALUMÍNIO

 A reciclagem de latas de alumínio é dividida em dez etapas. O alumínio não se degrada durante o processo e poder ser usada para o mesmo fim, ao contrário das garrafas plásticas, que depois de recicladas não podem guardar alimentos.
O seu valor residual é alto, mais nobre do que o de outros materiais reutilizáveis, tornando-se uma fonte de renda para os seus coletores. Para se ter uma idéia desse valor, a sucata de latas de alumínio vale atualmente 33 vezes mais do que as de aço e 55 vezes mais que as garrafas de vidro. Desde a produção da latinha na fábrica até a sua volta aos centros de reciclagem, o tempo é de dois meses.

Acompanhe um gráfico ilustrado com o processo de reciclagem das latas de alumínio:



Passo-a-passo da reciclagem de latinhas
  1. COMPRA 
    O consumidor compra as latinhas de alumínio no supermercado
  2. CONSUMO
    Depois de usada, a lata vazia é levada aos postos de coleta ou então vendida aos sucateiros, que ganham mais ou menos R$ 3,00 para cada grupo de 75 latinhas
  3. COLETA
    Nesses locais, as embalagens são prensadas com todas as suas partes (corpo, tampa e anel)
  4. PRENSAGEM
    Neste estágio, as latas são prensadas novamente. Desta vez, em grandes fardos, como são chamados os “pacotes” volumosos e pesados, fáceis de serem transportados
  5. FUNDIÇÃO
    As latinhas são derretidas em fornos especiais para latas de alumínio
  6. LINGOTAMENTO
    Aqui todo o material é transportado em lingotes fundidos sob a forma de tiras, apropriadas para uma refusão ou transformação
  7. LAMINAÇÃO
    Os lingotes passam por um processo de deformação plástica no qual o material passa entre rolos e se transforma em bobinas de alumínio
  8. NOVAS LATAS
    As bobinas são usadas para fazer novas latinhas
  9. ENCHIMENTO
    Na fábrica de bebidas, as latas passam por um processo de enchimento para ganhar aquele tradicional formato “oco” que conhecemos

  10. CONSUMO
    Depois as latas são distribuídas mais uma vez aos pontos de venda, fechando o ciclo de reaproveitamento do alumínio
Curiosidades
 Uma latinha de alumínio pesa apenas 14,5 gramas.
 67 latinhas de alumínio correspondem a 1 kg.
 Cada 1.000 kg de alumínio reciclado significa 5 mil kg de minério bruto (bauxita) poupados.
 O Brasil possui uma das três maiores reservas de bauxita do mundo.
 Para reciclar o alumínio são gastos apenas 5% da energia utilizada na extração, ou seja, uma economia suficiente para manter iluminadas 48 residências.
 Todo o processo de reciclagem do alumínio no Brasil envolve mais de 2 mil  empresas.
 No Brasil são consumidas 51 latas de alumínio por habitante por ano, enquanto nos Estados Unidos esse número chega a 375 latas por habitante.
 Uma lata de alumínio demora mais de 100 anos para se decompor na natureza.
fontes de referência: revistagalileu.globo.com e www.1papacaio.com.br
http://www.setorreciclagem.com.br/modules.php?name=News&file=article&sid=621

  

CRIE RÓTULOS PARA AS LATINHAS ABAIXO:




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário